domingo, 16 de novembro de 2008

Alguém cale os evangélicos na TV

Alguém cale os evangélicos na TV

Não é de hoje que os evangélicos estão na TV. De programas de pregação, auditório, perguntas e respostas, clips musicais e entrevistas, tem de tudo na mídia e para todos os gostos e faixas etárias. Programas na imprensa dita secular e também na chamada “gospel”.
Sem alternativa, temos que ficar zapeando de canal em canal para achar alguma coisa evangélica na TV que preste. Quando não são os intermináveis testemunhos de vitória financeira via a igreja que tem mais poder do que as outras; são as campanhas do fogo santo, terra santa, envelope santo; ou o corredor dos 318 pastores; ou a lamentação de meia hora pedindo dinheiro e mostrando contas correntes nos mais diversos bancos para que o programa não saia do ar; ou a venda de produtos e mais produtos evangélicos que tomam quase uma hora da programação onde se pregou apenas 20 minutos de Palavra (e olhe lá), e por aí vai.
Mas o que mais me chateia é quando algum evangélico se aventura a responder ou a representar a fé em programas de TV seculares. Aí é a desgraça !
A maioria é chamada para cumprir a profecia de Andy Wharol , que todo mundo um dia teria seus 15 minutos de fama. Vão de terno e gravata, pomposos dos pés a cabeça e aparentam realmente que do alto de sua sabedoria são sabedores da sábia solução para todas as coisas.
O problema é quando abrem a boca. Meu Deus!! Só falam besteira.
Quando estão em seus púlpitos ou classes parecem tão senhores de si. Tão à vontade e donos da verdade!
Mas quando estão diante de uma câmera, parece que são destituídos de inteligência. Vejam as pérolas que já ouvi da boca de consagrados pastores, bispos, apóstolos, evangélicos na TV:
Resposta a uma pergunta se é correto dar o dízimo de um prêmio ganho na loteria
“É claro que é. Você já errou por ter jogado, agora vai errar novamente em não dar o dízimo aqui na igreja ?”
Explicação sobre o dízimo:
“O dízimo é algo que deve ser pago. Como uma conta de água e luz, o dízimo deve ser pago ao Senhor. Assim como você deve aos homens, você deve muito mais a Deus.”
Sobre política:
“O crente que quer ser bom crente, não pode se envolver em política. O político que quer ser bom político não pode se envolver em ser crente.”
Sobre filmes:
“O cinema é algo diabólico. Se um crente estiver no cinema quando Jesus voltar, ele não subirá pro céu”.
Sobre sexo:
“O varão só pode conhecer a varoa no dia do casamento, no escuro à noite mas só para reprodução.”
E a última, proferida essa semana da boca de um bispo político famoso de uma igreja não menos famosa:
“Se homossexual pode ser batizado na minha igreja. É claro que pode! Se o eunuco foi batizado por Felipe, porque que um homossexual não pode ser batizado ? A hora que você quiser, pode ir lá meu (sic) filho(a)”
Diante de tudo isso peço um favor: Se a censura voltar, que comece proibindo os evangélicos de estarem na TV, porque todos, sem exceção, estão prestando um desserviço a sociedade e ao reino de Deus principalmente.
Leandro Silva, no blog Cântico novo.

3 comentários:

Kelinha disse...

Fala sério..
É esse povo ai q quiema o filme da gente..
por isso é tao dificil falar do evangelho hje sem ser criticado.

Poucos são aqueles, que diante das cameras continuam ouvindo a voz do Espítito Santo e deixam ser direcionados por ele..

Desse jeito.;.
ta dificil..

Ângelo Maciel disse...

Pr Júlio,

Se for para falar as coisas de Deus de maneira errada na televisão é melhor que não sejam ditas mesmo, muitas vezes somos criticados por causa deste motivo.

Deste jeito fica bem mais difícil de anunciar o evangelho como citou a Kelinha, mas não podemos perder a esperança e nem esquecer que devemos pregar o evangelho para que o Espírito Santo de Deus possa fazer seu trabalho (convencer o ser humano das coisas de Deus), pois se dependesse de nós não convenceríamos ninguém,

Independente dos comentários feitos na TV, por pessoas que pensam ser doutores da lei ou da graça "em tempos novos" (Será que poderíamos compará-los aos antigos escribas?), devemos mais do que nunca pregar a verdade de Deus Pai e Deus Filho e Deus Espírito Santo em meio a toda "Israel" como fez Paulo, para mim um irmão em Cristo Jesus que realmente tomou a sua Cruz como caminho para Jesus!

Deus abençoe todos os irmãos em Cristo Jesus sobre a face da terra, amém!

prjulio disse...

Isaura,
Entendi o seu comentário mas acho que você comentou em outro post.